Obs.: você está visualizando a versão para impressão desta página.
Voltar ao topoVer em Libras

MDIC LIDERA REUNIÃO BILATERAL ENTRE BRASIL E NORUEGA#

  1. Início
  2. Artigos
  3. Geral
  4. MDIC LIDERA REUNIÃO BILATERAL ENTRE BRASIL E NORUEGA
« Mais recente🔀Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:comércio, encontro, bilateral, reunião, indústria, cooperação e gás365 palavras4 min. para ler

O Secretário-Executivo do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Ivan Ramalho, conduziu hoje uma reunião bilateral entre delegações do Brasil e da Noruega. O encontro, realizado na sede do MDIC, contou com a participação da vice-ministra do Comércio, Indústria e Pesca da Noruega, Dilek Ayhan, de integrantes dos diversos ministérios dos dois países, além de representantes da iniciativa privada.Um dos primeiros temas a ser tratado no encontro foi o aprofundamento das relações entre o Mercosul e a European Free Trade Association (EFTA), área de livre comércio formada pela Suíça, Noruega, Islândia e Liechtenstein. O primeiro encontro entre representantes dos blocos para Diálogo Exploratório ocorrerá nos dias 8 e 9 de junho de 2015, em Genebra, na Suíça.
Para o secretário Ivan Ramalho, o encontro bilateral é muito importante pois aproxima as duas economias, que possuem um fluxo de comércio intenso, mas com muito potencial de expansão. Sobre a reunião entre Mercosul e EFTA, Ramalho tem expectativa favorável de um desfecho positivo. "O mercado brasileiro espera ansioso por novos acordos do Mercosul. É o momento perfeito para aproximarmos as economias dos blocos". O secretário afirmou ainda que "há, hoje, muitas oportunidades de investimento para empresas norueguesas no Brasil".
A vice-ministra norueguesa, Dilek Ayhan, mostrou bastante otimismo com as relações econômicas com o Brasil. "As empresas norueguesas instaladas no país mostraram enorme otimismo com o futuro da economia do país, e reafirmaram os investimentos previstos para os próximos anos. Deixamos de lado a pauta comercial do bacalhau, café e açúcar para uma relação muito mais estreita e em setores estratégicos, como óleo e gás", afirmou Dilek.
Ao longo da reunião, os representantes brasileiros e noruegueses debateram diversos temas para a cooperação entre os dois países, e concordaram em aprofundar as discussões em questões que envolvem cooperação econômica bilateral, em especial nos setores de óleo e gás, indústria naval, pesca e aquicultura, além de novas áreas e oportunidades para colaboração.
A reunião também tratou da cooperação bilateral em pesquisa. A delegação norueguesa destacou o progresso nas cooperações tecnológicas na área de óleo e gás realizadas pelo Conselho de Pesquisa Norueguesa e a FINEP e CNPq.
 

Fonte: Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior

Este site usa cookies para melhorar a navegação.
Termos legais e privacidadeOpt-out